Ferramentas de depuração no LabVIEW

Incluído nesta seção

O software LabVIEW contém poderosas ferramentas de depuração, que vão ajudá-lo a identificar problemas no código para que você possa fazer as alterações apropriadas. Você pode encontrar dois tipos gerais de bugs de software: os que impedem a execução do programa e os que geram resultados inesperados ou comportamentos inadequados. Esse módulo mostra a você como identificar e eliminar esses dois tipos de erros.

Se o LabVIEW não conseguir executar seu VI, o ícone do botão Run passará a ser uma seta quebrada e a janela Error List apresentará os motivos pelos quais o VI está quebrado. Um segundo tipo de bug normalmente é mais difícil de ser localizado, mas o LabVIEW possui diversas ferramentas que você pode usar para acompanhar a execução do código, o que torna o processo muito mais fácil.

Como consertar VIs quebrados


VIs que não podem ser executados são chamados VIs quebrados, ou não executáveis. O ícone do botão Run mostrará uma seta quebrada se houver algum erro no VI que você estiver criando ou editando.

Em geral, isso significa que uma entrada necessária não está conectada ou que há algum fio interrompido. Clique no botão Run quebrado para acessar a janela Error List. A janela Error List apresenta cada um dos erros existentes e fornece uma descrição do problema. Para ver a localização de um erro da lista, vá à lista e dê um clique duplo nesse erro.

Como identificar problemas em VIs quebrados

Warnings (advertências) não impedem você de executar um VI. Elas são criadas para ajudá-lo a evitar problemas potenciais nos VIs. Os erros, no entanto, podem quebrar um VI. Você precisa primeiro resolver os erros existentes para depois poder executar o VI.

Clique no botão Run quebrado ou selecione View » Error List para descobrir os motivos pelos quais um VI está quebrado. A janela Error List apresenta uma lista com todos os erros. A seção Items with Errors apresenta os arquivos com erros. Se dois ou mais itens tiverem nomes iguais, essa seção mostrará a instância de aplicação específica de cada item. A seção Errors and Warnings apresenta os erros e advertências relativos ao VI que você selecionou na seção Items with Errors. A seção Details descreve os erros e, em alguns casos, recomenda como corrigi-los. Clique no botão Help para ver o tópico do LabVIEW Help que descreve esse erro em detalhes e apresenta instruções passo a passo para corrigi-lo.

Clique no botão Show Error ou dê um clique duplo na descrição do erro para destacar a área no diagrama de blocos ou painel frontal na qual o erro pode ser encontrado.

Figura 1. Exemplo da caixa de diálogo Error List

Causas comuns para os VIs estarem quebrados

Abaixo estão relacionados alguns motivos comuns para um VI ser quebrado durante sua edição:

  • O diagrama de blocos contém um fio quebrado, o que pode ocorrer devido a uma conexão entre tipos de dados diferentes ou a uma ponta solta, não conectada. Veja como corrigir fios quebrados no tópico Correcting Broken Wires, no LabVIEW Help.
  • Um terminal do diagrama de blocos não está conectado. Veja como configurar as entradas e saídas necessárias no tópico "Using Wires to Link Block Diagram Objects" do LabVIEW Help.
  • Um subVI está quebrado ou você editou o connector pane desse subVI após ter colocado seu ícone no diagrama de blocos do VI.

Como corrigir comportamentos incorretos

Se o seu VI é executável, mas produz resultados incorretos, há um erro funcional no código. O LabVIEW tem diversas ferramentas que podem ajudá-lo a descobrir o local onde seu VI não está se comportando como o esperado.

Barra de ferramentas do diagrama de blocos

Quando você executa um VI, botões que podem ser usados para depurar esse VI são mostrados na barra de ferramentas do diagrama de blocos.  A barra de ferramentas abaixo é mostrada no diagrama de blocos.


Clique no botão Highlight Execution para ver uma animação da execução do diagrama de blocos ao executar o VI. Observe o fluxo dos dados através do diagrama de blocos. Clique no botão novamente para desabilitar o destaque da execução.

A função Highlight Execution mostra a movimentação dos dados no diagrama de blocos de um nó a outro, usando bolhas que se movem ao longo dos fios. Usando a função Highlight Execution em conjunto com a função Single Stepping, você poderá ver passo a passo como os valores de dados passam pelos nós do VI.

Observação: O uso da função Highlight Execution reduz bastante a velocidade de execução do VI.

Figura 2. Exemplo de uso de Highlight Execution


Clique no botão Retain Wire Values para salvar os valores dos fios em cada ponto do fluxo de execução. Com isso, quando você colocar um probe no fio, poderá reter imediatamente os valores mais recentes dos dados transmitidos pelo fio. É necessário executar o VI pelo menos uma vez para reter valores dos fios.


Clique no botão Step Into para abrir um nó e interromper a execução. Quando você clicar no botão Step Into novamente, ele executará a primeira ação e interromperá a execução na próxima ação do subVI ou estrutura. Você pode também pressionar <Ctrl> e a tecla da seta "para baixo". Usando a função Single Stepping em um VI, você percorre esse VI um nó de cada vez. O próximo nó a ser executado fica piscando.


Clique no botão Step Over para executar um nó e interromper a execução no próximo nó. Você pode também pressionar <Ctrl> e a tecla da seta "para a direita". Passando diretamente pelo nó, você executa o nó sem usar a função passo a passo nesse nó.


Clique no botão Step Out para encerrar a execução no nó atual e interromper a execução. Quando o VI tem sua execução concluída, o botão Step Out é mostrado desativado. Você pode também pressionar <Ctrl> e a tecla da seta "para cima". Usando a função Step Out em um nó, você conclui a execução desse nó e passa ao próximo.


O botão Warning será mostrado se houver alguma advertência para o VI e você tiver marcado a caixa Show Warnings na janela Error List. Uma advertência indica um problema potencial com o diagrama de blocos, mas esse problema não impede que o VI seja executado.

Ferramenta Probe


Use a ferramenta Probe para verificar valores intermediários em um fio durante a execução de um VI.

A ferramenta Probe deve ser usada quando você tiver um diagrama de blocos complicado, com diversas operações que podem entregar dados incorretos. A ferramenta Probe pode ser usada em conjunto com as funções Highlight Execution, Single Stepping e Breakpoints para verificar se há dados incorretos e onde eles estão localizados. Se houver dados disponíveis a probe atualizará e apresentará de imediato os dados na janela Probe Watch durante as funções Highlight Execution, Single Stepping ou quando você interromper a execução em um breakpoint. Quando a execução for suspensa em um nó pelo uso da função Single Stepping ou por um breakpoint, você pode também usar um probe no fio que acabou de ser executado para ver o valor que passou por ele.

Aprenda os conceitos básicos do LabVIEW de uma nova maneira

Aprenda os conceitos do LabVIEW com nossa nova experiência interativa.

Continue seu aprendizado

Anterior Ferramentas comuns
Estruturas de dados Próxima